0

Notícias do mundo de cá...

Já tem um bom tempo que penso neste cantinho e sinto vontade de voltar... As coisas foram acontecendo, fomos vivendo um dia de cada vez e, quando percebi, já tinha mais de um ano sem postar. Quando criei esse blog a minha intenção era atualizá-lo, pelo menos, umas duas vezes por semana. Hoje percebo que não sou tão disciplinada como gostaria, mas também revejo algumas intenções. De fato, não vou tentar me enganar: não adianta estipular prazos para atualizações, até porque hoje sei que isso tem que ser algo natural. O objetivo deste blog é manter o registro dos principais acontecimentos relacionados à minha filha, Letícia, para que um dia, ela possa ler e conhecer um pouco da sua história. Então, daqui pra frente, nada de cobranças sobre periodicidades de postagens, pois pra mim isso será feito com prazer, no meu tempo, e não por obrigação.

Mas senti falta. Sempre tive o hábito de escrever em diários, agendas, etc. Como os tempos mudaram, nada melhor do que um diário virtual. Além disso, qual é o assunto preferido das mães? Pelo menos a maioria que eu conheço não consegue deixar de falar nos filhos. Então vamos falar da Letícia.

Ela está linda, mais a cada dia... É super inteligente, esperta, curiosa e tem energia peculiar para uma criança de três anos, completados no último dia 16. Mudamos de escola este ano e ela passou por aquele período chato de adaptação, porém bem mais fácil que na primeira escola. Agora está mais acostumada, já fica sem chorar e quando vou buscá-la está toda feliz. Também mudamos a rotina, agora ela fica três dias em casa com uma pessoa que me ajuda e nos demais dias dividimos entre as duas vovós. Sabe aquela criança que dormia super cedo, deixando a mamãe e o papai livres às 20h30? Pois é, ela não existe mais. Está dormindo tarde (por volta das 22h00) e acordando tarde também. As vezes é bem difícil conciliar tudo, pois ela sempre quer ser o centro das atenções a noite, porém temos tantas coisas pra organizar quando chegamos do trabalho que, confesso, nem sempre conseguimos parar tudo para oferecer o famoso "tempo de qualidade". 

Outra novidade é que esta escola atual não oferece lanche, ou seja, todos os dias tenho que preparar algo saudável e gostoso para a pequena. Estou até seguindo alguns perfis de alimentação saudável no Instagram para me inspirar...  Falando em comida, como come esta menina! As vezes me preocupo, acho que ela está muito "gordinha", mas a pediatra diz que ela está no peso correto para a idade e altura. O fato é que ela come super bem e que não gosta de porcarias. Claro que, como toda criança, as vezes ela quer uma bala ou chocolate, mas, de forma geral, não exagera nas guloseimas. Como eu evitei refrigerante até os dois anos, hoje ela não gosta muito, prefere o suco. Também evitei biscoito recheado e hoje ela não gosta, prefere os biscoitos tipo cream cracker e maisena. Fico feliz por isso, não me considero radical, mas busquei incentivá-la desde cedo. Também adora saladas e lá em casa sempre tem esta opção, pois queremos que ela aprenda com o nosso exemplo.

É nessa linha que tentamos educá-la, pois ela tem que ver a gente fazendo para querer fazer também. E isso é bem difícil, pois as vezes esquecemos que tem "alguém" nos observado em todos os momentos: naqueles de calmaria e também nas tempestades e agimos sem pensar no que estamos ensinando. Tento me policiar a todo momento, mas não sou perfeita e muitas vezes falho. Mas vamos em frente, ser mãe é um eterno aprendizado e estamos sempre mudando de opinião, não é mesmo? Estou feliz por ter voltado, que Deus me ajude a vir aqui mais vezes.

0 comentários:

Postar um comentário